Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba - FAC-FEA
 

HISTÓRICO

FAC-FEA - Vista aérea


          A Fundação Educacional Araçatuba - FEA foi criada pela Lei Municipal 1306/67 de 27 de março de 1967, para atender à demanda social existente na cidade de Araçatuba, noroeste do Estado de São Paulo, carente de instituições de ensino superior, com apenas duas instituições à época, uma pública estatal, a outra privada. A intenção inicial da criação da FEA foi a de criar um curso de Medicina, o que acabou não se concretizando. Em 1972, a Fundação realizou um convênio com a UNESP (Universidade Estadual Paulista) para a criação de um curso técnico anual em Prótese Dentária, posteriormente extinto (2000), para preencher a necessidade gerada pelo curso de Odontologia daquela instituição, à época. A Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba - FAC-FEA passou a funcionar efetivamente em 1989, quando o Conselho Estadual de Educação (CEE), entidade pública e responsável pela fiscalização dos parâmetros pedagógicos da instituição, aprovou a abertura do curso noturno de Ciências Econômicas, com uma oferta inicial de 160 vagas. Em 1999 começa a funcionar um novo curso noturno na Faculdade, o de Administração com Habilitação em Comércio Exterior, oferecendo mais 100 vagas. Em 2000 foram abertos os cursos (também noturnos) de Administração em Gestão de Negócios Públicos e Privados, com mais 80 vagas, e o de Turismo, com 90 vagas. O início do curso de Pedagogia se deu em 2001, com 90 vagas, e o de Psicologia com o curso diurno (90 vagas) em 2002. A partir de 2005 é oferecido também o período noturno, num total de 140 vagas. Em 2007 surgiram os primeiros cursos de Pós-Graduação "Lato Sensu": Administração Pública, Educação Especial Inclusiva, Psicopedagogia e Psicanálise. Em 2008, são criados os cursos de Licenciatura em Ciências Biológicas e Matemática. Em 2013, A FAC-FEA entra no grupo de excelência das Instituições de Ensino Superior do Brasil (MEC-IGC). Em 2014, aprovação do curso de Pós-Graduação em Psicologia Fenomenológica. Em 2016, aprovação de mais um curso de Pós-Graduação: Gestão de Negócios. Dessa forma, a Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba ficou constituída como uma instituição de ensino superior voltada para atender a necessidade da população que constitui a comunidade de Araçatuba - SP, com seus 192 mil habitantes (segundo estimativa do IBGE de 2015) e da mesoregião em seu entorno, cuja população de 755 mil habitantes tem no município o principal pólo econômico, político e administrativo. A Fundação Educacional Araçatuba – FEA, entidade sem fins lucrativos, com a finalidade de oferecer cursos de qualidade acadêmica a baixos preços, esteve desde sua criação voltada para suprir essa necessidade da população da cidade e região, uma vez que a arrecadação das mensalidades pagas pelos alunos se reverte em benefícios e manutenção da própria instituição, permitindo o pagamento do corpo docente, funcionários, infra-estrutura e investimentos necessários para garantir a qualidade do ensino ministrado. A Fundação Educacional Araçatuba - FEA é gerenciada de acordo com o Estatuto da Instituição, por um Conselho de Curadores, integrado por representantes de diversos segmentos da sociedade, incluindo um representante eleito do corpo docente e um do corpo discente. Os membros desse conselho trabalham voluntariamente, se reúnem pelo menos uma vez por mês e elegem a cada dois anos o Presidente da Instituição entre seus pares, podendo haver reeleição. São 13 as instituições que compõem o Conselho de Curadores da FEA:

- Associação Comercial e Industrial de Araçatuba

- Associação dos Engenheiros e Arquitetos da Alta Noroeste

- Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas

- Associação Paulista de Medicina

- Associação dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo

- Câmara Municipal de Araçatuba

- Conselho da Associação de Amigos de Bairros

- Lions Clube

- Lojas Maçônicas

- Ordem dos Advogados do Brasil

- Prefeitura Municipal de Araçatuba

- Rotary Clube


- Sindicato Rural da Alta Noroeste


         Para fiscalizar e garantir o trabalho pedagógico de boa qualidade, comissões de professores do Conselho Estadual de Educação do Estado de São Paulo (CEESP) e do Ministério da Educação e Cultura (MEC) são recebidas periodicamente, enquanto as verbas públicas são fiscalizadas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP). Toda essa fiscalização, participação e compromisso social, assumidos pelos órgãos públicos estatais e pela sociedade civil do Estado e município têm a finalidade de dar amplo suporte para a realização do trabalho pedagógico de educadores sérios e comprometidos com a missão social da Fundação desde a sua criação, que é oferecer um ensino da melhor qualidade com menor preço, incluindo os alunos no competitivo mundo do trabalho através de uma educação permanente e integrada do seu corpo docente e discente, num espaço democrático capaz de promover ações direcionadas ao desenvolvimento econômico, político e social da região e integrando a instituição à comunidade.

      O atual Diretor Pedagógico da Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba é o Prof. Me. Pascoal Manfredi Neto, eleito para o período 2013/2017.
 
Relação de Diretores Pedagógicos da FAC-FEA
 
NOME
PERÍODO
  Prof. Me. Pascoal Manfredi Neto
2013 / 2017
  Profa. Dra. Vera Maria Neves Smolentzov
2013 / 2013
  Prof. Me. Pascoal Manfredi Neto
2009 / 2013
  Prof. Me. Pascoal Manfredi Neto
2005 / 2009
  Profa. Me. Maria Angélica Momenso Garcia
2001 / 2004
  Profa. Dra. Maria das Graças Rodrigues de Paula
1997 / 2001
  Prof. Luiz Carlos Custódio
1993 / 1996
  Prof. Dr. Antonio Carlos da Silva Pasquini
1990 / 1993
  Dr. Agenor Storti
1989 / 1990
 

  A Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba dispõe de duas unidades, onde funcionam seus cursos de graduação:

UNIDADE I
Rua São Marcos, 349 - Jardim Sumaré - CEP 16.015-280

Clique nas imagens para ampliar
UNIDADE II
Rua Maurício de Nassau, 1191 - Bairro Santana - CEP 16.050-480

Clique nas imagens para ampliar
Voltar à Página Principal
 
Site desenvolvido por Electram